May 7, 2018
Eduardo
Arantes

4 Maneiras que APIs ajudam seu negócio

traduzido e adaptado de API Nordic

4 maneiras como APIs ajudam seu negócio

Mesmo que todos do universo de TI já saibam, as APIs tem benefícios não somente para o negócio, mas também para o lado técnico, por isso, a adoção de APIs não significa apenas beneficiar do ponto de vista de aplicações, mas também uma ferramenta capaz de trazer propósitos estratégicos para o negócio e para a organização como um todo.APIs oferecem, provavelmente, os métodos mais claros, fortes, e em muitos casos, os mais fáceis de entregar uma gama de insumos para incrementar o valor dos negócios, e proporcionar crescimento. Para isso, vamos discutir 4 maneiras que APIs te ajudam a atingir novos patamares.  

APIs enriquecem a Experiência do Usuário

Geralmente pensamos em benefícios de APIs de modo singular, mas a abrangência é bastante alta. Usando APIs, é totalmente possível potencializar a Experiência do usuário através de controle direto de ações e metodologias. Adotar APIs habilita uma customização mais detalhada para o cliente, em níveis que realmente gerem valor para ele, deixando de ser apenas uma soma de diversas features entregues.Além das entregas, APIs possibilitam otimizações para a empresa devido sua capacidade de ajustes a requerimentos específicos. Dessa forma, há a possibilidade de otimização em diversas funções ao invés de esforços para criar uma solução para cada um dos usuários que desejam integrar com menos dificuldades.Utilizar APIs apropriadamente resulta em boas experiências de uso, com menos códigos, interações otimizadas e capacidade de integrações mais ágeis.

APIs criam novos canais para aquisição e crescimento

Em termos de escalabilidade de receita, APIs oferecem possibilidade de grande crescimento na base de aquisição, assim como no desenvolvimento dessas oportunidades, dessa forma, cumprem uma função de uma artéria para a sua marca, função e propósito.As APIs são um caminho direto para seus clientes, e evidenciam a proposta de valor para seus prospects. Uma integração direta com uma solução é sempre preferível do que processos lentos de contato direto com a organização, e requisições de processos. Essa disponibilidade direta, automaticamente, faz com que o prospect tenha um contato direto com soluções que suprem suas necessidades.Mais especificamente, o uso de APIs possibilita o controle do tipo de consumidor dos seus dados, assim como controla a maneira como eles leem tais dados. Dessa forma, APIs funcionam muito mais como um canal para aquisição de clientes e crescimento do que uma ferramenta de manutenção e contato com a base já existente.

APIs ajudam a focar na proposta de valor

Saindo da ideia de controle granular, é necessário observar que a natureza “arterial” de uma API tem funcionamento bidirecional. Enquanto elas ajudam a criar novos canais de interação direta, ela também cria condições mecanismos de controle direto com os usuários. Adotar APIs possibilita a organização focar nos valores centrais do negócio e estendê-los aos usuáriosPor exemplo, imagine uma empresa que tenha como proposta principal uma “entrega de mídia ágil”. Através das APIs, não apenas há a entrega do conteúdo, mas também possibilita uma transformação de variedades de formatos, e cria hyperlinks relacionados a hypermedia, assim o negócio pode pegar seus conteúdos existentes, e pode fazer essa entrega ágil como principal valor para o cliente. Obviamente, isso seria muito complexo de se fazer em um meio tradicional de streaming, onde o usuário precisa se conectar a um servidor e as visualizações e interações com as mídias estão dentro do diretório.Essa é apenas uma maneira como as APIs podem potencializar a proposta de valor principal da companhia, mas criar essa via direta com o usuário garante diversas possibilidades de controle e entrega de conteúdo.

APIs padronizam integrações com parceiros

Nem todos os benefícios de adoção de estratégias centradas em APIs estão relacionadas com foco no usuário. Em diversos casos, as APIs potencializam drasticamente a interação e relacionamento com parceiros. Nenhum parceiro é igual, e em situações sensíveis, em que o parceiro precisa ter um bom briefing, devidamente comunicado e preparado, essas diferenças requerem um poder de customização e adaptação muito maiores. APIs garantem esses requisitos facilmente. Modelos B2B demoram para se adaptar, geralmente por questões relacionadas aos sistemas desenhados para atender demandas específicas. Essa demora implica em interações e adequações muito lentas para cara um de seus parceiros. Um EDI (Eletronic Document Interchange), é uma boa maneira de trocar NFs e outros documentos, mas não serve aos mesmos propósitos de uma API.Para contornar essa dificuldades, uma API RESTful pode realizar entregas de diversos tipos de informações em diferentes linguagens, realizando uma camada de padronização, além disso, possibilita que os sistemas sejam maleáveis e escaláveis nas integrações.Isso significa que suas integrações com parceiros são feitas de maneiras mais eficientes e mais específicas, facilitando as trocas entre comunicação de parceiro para parceiro. Isso potencializa seu negócio de uma forma ponto-a-ponto para uma rede de conexões entre diversos outros negócios com fluxos de recursos que garantem benefícios a todos.

Obrigado pela leitura!

Voltar ao arquivo